Todos os artigos de Regina Pinto

ERASMUS+ Semana de Intercâmbio

 

A  Escola Secundária Manuel de Arriaga, no âmbito das atividades desenvolvidas pela Biblioteca Escolar durante o ano letivo 2019/2020, coordena um projeto de intercâmbio europeu cofinanciado pelo programa Erasmus+ .  No papel de entidade organizadora, a nossa Escola passa a abrir uma janela de oportunidades para atingir os ideais europeus, promovendo uma maior coesão dentro da União Europeia.

Este projeto, denominado Peer Impression: a Common framework for raising tolerance and mutual understanding in Europe resulta do trabalho cooperativo entre escolas de cinco países europeus: Portugal, Itália, Roménia, Grécia e Turquia. O título resume em poucas palavras a génese do projeto: reun

ir os alunos de diferentes culturas e localizações geográficas distantes na luta contra a intolerância nas Escolas que muitas vezes suscita comportamentos desviantes por parte dos jovens. A temática do projeto é bastante atual e oportuna no contexto europeu, uma vez que congrega problemáticas que têm que ver com o novo tecido social e a vivência da cidadania europeia. Por outro lado, os parceiros identificam também a dificuldade que sentem na lecionação das áreas académicas tradicionais e a falta de motivação dos alunos. O projeto propõe uma estratégia inovadora que consiste em trabalhar todos estes aspetos através de diversas áreas do conhecimento, tendo como objetivo primordial promover junto dos alunos o incremento das suas competências académicas e sociais e, simultaneamente, proporcionar aos professores, colaboradores e encarr

egados de educação o conhecimento de novas estratégias de apoio aos discentes. Assim, este intercâmbio terá um impacto direto na reorganização das próprias escolas no que concerne às estratégias de acompanhamento prestado aos alunos no seu processo ensino-aprendizagem. É de facto a Escola que tem de mostrar e oferecer outras alternativas que promovam o entendimento, a tolerância, honestidade, equidade e paz. Seguindo a nossa missão educativa de marcarmos a diferença na vida dos nossos alunos e da nossa comunidade, estamos convictos de que este projeto marca uma mudança de paradigma na conceção do ensino formal, dado que, a Escola abraça um projeto ‘fora das suas portas’ e cria um espaço de abertura para a promoção da nossa ilha e da cultura açoriana junto dos no

ssos consórcios europeus a par da promoção do exercício de uma cidadania ativa e intercultural livre de preconceitos.

Na semana de 16 a 21 de fevereiro, decorreu na nossa Escola a primeira semana de intercâmbio de alunos. Estiveram presentes 23 alunos das escolas parceiras que foram acompanhados pelos colegas portugueses, bem como 8 professores, entre eles os diretores das Escolas parceiras. Durante a semana, os alunos da nossa Escola puderam interagir com colegas de outras escolas e juntos criaram uma nova perspetiva do que poderá ser uma sociedade mais tolerante.